quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Saudade (Na Distância)



Saudade (Na Distância)

Quando a noite cai,
A dor aperta demais,
Sinto saudades dos teus beijos,
Que não encontro mais.

Sinto falta do teu sorriso,
Que me acolhe sem perceber,
Sinto falta dos teus carinhos,
Que me fazem estremecer.

E a cada dia que passa,
Parece que eu morro mais um pouco,
Fico a pensar o que está fazendo,
Acho que estou ficando louco.

Quero tanto você bem perto,
Pra te abraçar e te beijar,
Nos momentos mais sinceros,
O teu sorriso arrancar.

Quero tanto sentir teus braços,
No meu corpo se envolver,
Quero sentir teu perfume,
E me permitir enlouquecer.

Lembro das brincadeiras que fazíamos,
A sua maneira de ser chata,
Mas, esse seu jeito me aprisionou,
E pra mim isso já basta.

Sei que isso tudo é amor,
E não te deixarei fugir,
Quero a eternidade ao seu lado desfrutar
 E disso não irei desistir.

Quero cada dia mais um pouco,
Desse sonho doce conhecer,
Quero que voltes logo,
Porque sem você não sei viver.

Quero nossa distância encurtada,
E essa saudade de eu arrancar,
Quero você de volta,
Pra que eu possa te amar!


Wemerson Rafaell...
Postar um comentário