sábado, 28 de maio de 2011

Delírio



Delírio

Muitas vezes andando pela rua,
O cheiro do seu perfume eu sinto;
E atrás de uma miragem sua,
Eu saio andando sorrindo.

E de repente essa miragem some,
E em prantos eu me vejo;
Sinto falta dos seus carinhos,
Sinto falta dos seus beijos.



Wemerson Rafael...
Postar um comentário