sábado, 21 de maio de 2011

Então, por quê?


Então, por quê?

O amanhã é apenas para alguns,
Para nós ele pode nem chegar;
Então, por que não largar tudo
E começar a nos amar?


A vida é morte lenta,
As folhas caem a toda hora;
Então, por que deixar pra depois,
O que podemos fazer agora?


Quando o dia já vai longe, e o sol já se esconde,
Meu peito chama por você;
Sorriso aparece, meu corpo estremece,
Me pedindo pra te ter.


Cada minuto que passa,
Pode ser o último que eu tenho pra viver;
Então, por que não perder meu tempo,
Querendo e amando apenas você?


Wemerson Rafael...
Postar um comentário